23 Out

Sombra lança primeiro CD/DVD

Rival BR

O cantor e compositor Sombra, irmão do Sombrinha, lança seu primeiro DVD “Vale a Pena Ouvir de Novo” no dia 23 de outubro, terça, às 19h30, no Teatro Rival Petrobras, na Cinelândia (RJ). O espetáculo tem a participação especial de Joyce Cândido, o ex-jogador Junior , Carlinhos de Jesus e de Sombrinha.

O show tem roteiro e direção de Marcos Salles e arranjos de Jorge Cardoso. Considerado um dos grandes autores do samba, Sombra tem dois Prêmios da Música no curriculum e vai cantar as músicas do DVD de estreia, além de sucessos como “Oitava Cor”, “Além da Ilusão”, “Ainda é Tempo Pra ser Feliz”, “Sempre Acesa”, “Laços do Desamor” e “O Tempo”.

O cantor também vai relembrar o tempo que tocou na noite paulistana e histórias de quando morou na casa de Almir Guineto com canções emblemáticas de Chico Buarque e Vinícius de Moraes, como fazia nas festas que participava em São Paulo em fins dos anos 1970.

Serviço

Teatro Rival Petrobras - Rua Álvaro Alvim, 33/37 - Centro/Cinelândia - Rio de Janeiro. Data: 23 de outubro (Terça). Horário: 19h30. Abertura da casa: 18h. I

*Meia entrada: Estudante, Idosos, Professores da Rede Pública, Funcionários da Petrobras, Clientes com Cartão Petrobras e Assinantes O Globo

Rua Álvaro Alvim, 36 Centro
R$30- 60
25 Out

Moacyr Luz lança “Natureza e Fé”, álbum de inéditas

Rival BR

O cantor Moacyr Luz completou 60 anos em 5 de abril deste ano e a mente fervilhava de boas idéias. Uma delas é o novo álbum solo, “Natureza e Fé”, seu 14º da carreira e trabalhado com canções inéditas compostas por ele parceiros como Fagner, Zélia Duncan, Pretinho da Serrinha, Martinho da Vila, Luiz Carlos da Vila e Jorge Aragão, entre outros.

Moacyr Luz está na roda de compositores cariocas desde de 1982, mas, ao longo dos anos veio se renovando e trazendo cada vez mais leveza para sua vida. Seu nome chamou a atenção dos brasileiros quando em 1989, Fafá de Belém fez bater forte “Coração do Agreste”, música de Moacyr que ganhou versos de Aldir Blanc alusivos à trama da novela Tieta (TV Globo) e, quando Beth Carvalho lançou o samba Saudades da Guanabara no álbum homônimo.

Moa – como o sambista é afetuosamente chamado nas rodas de samba , apresenta agora “Natureza e fé”, que tem o mesmo título da canção em parceria com Teresa Cristina, nome que traduz muito do que é o projeto. O trabalho autoral celebra também seus 30 anos de estrada e rodas de samba. Aliás, o samba é o ritmo dominante na obra.

Serviço;

*Meia entrada: Estudante, Idosos, Professores da Rede Pública, Funcionários da Petrobras, Clientes com Cartão Petrobras e Assinantes O Globo

Rua Álvaro Alvim, 36 Centro
R$R$ 30 - 70
22 Out

Roda de Samba da Pedra do Sal

Pedra do Sal

Segunda-feira, a partir das 18h, o samba rola livre na famosa Pedra do Sal, no Morro da Conceição, na Gamboa. A música só para por volta das onze da noite. Samba de primeira em um das regiões mais tradicionais da cidade.

Rua Argemiro Bulcão Gamboa Centro
R$grátis Orientação Segura:

A melhor opção é usar transporte público ou taxi. A região está passando por muitas obras e o estacionamento é restrito.

22 Out

Rixxa, o Pavarotti do samba

Carioca da Gema

O samba enredo em “over dose” é uma definição que tenta passar a raça de 3 horas de samba que une o impacto da voz de Rixxa  com a batucada cadênciada e a harmonia. A noite de segunda já conquistou a aclamação do grande público. Uma roda de samba que sacode a Lapa com geniais percussionistas; num misto da banda do Zeca Pagodinho, retratando os ensaios das quadras das escolas de samba.

Rua Mém de Sá, 79 Lapa Centro
R$25 Orientação Segura:

A região tem dois grandes estacionamentos na Rua do Lavradio e outro na Rua Gomes Freire, 769, a poucos metros da casa, mas a melhor opção é utilizar transporte público ou taxis, sempre disponíveis em fila organizada na porta da Casa de Show.